Inspirações

7 sugestões para a organização dos brinquedos das crianças

A ideia é deixar o espaço funcional e prático para a hora da brincadeira.

 

Ter um espaço organizado não só é importante para o desenvolvimento da criança, como pode ajudá-la na fase adulta.

Deixar os brinquedos em ordem facilita e muito a vida de pais e filhos. O primordial para organizar o espaço das crianças é deixar tudo à vista e ao alcance delas.

  1. O primeiro passo é separar e categorizar os brinquedos em carrinhos, bichos de pelúcia, bonecas, jogos, bolas, livros etc. Depois, dependendo da quantidade e do espaço da casa, ainda é possível fazer subdivisões como carrinhos pequenos e grandes. Tudo será organizado dentro de caixas, cestos e baús.
  2. Na hora de organizar as bonecas, vale separá-las por modelo. Como elas geralmente têm muitos acessórios, a dica é criar uma caixa de itens para a Barbie, outra para a Poly, uma para a Moranguinho e assim por diante. Já as bonecas em si devem ser posicionadas em pé dentro de cestos.
  3. Já os quebra-cabeças devem ser guardados na própria caixa. Caso não haja espaço suficiente, recorte o desenho a ser montado e o coloque com todas as peças juntas num saquinho transparente tipo zip lock. Aí, é só criar um local específico para esses saquinhos. O mesmo vale para os blocos de montar.
  4. Os brinquedos maiores como casa, bonecas grandes e robôs, devem ser acomodados em nichos ou prateleiras. Assim, eles não ficam espalhados pelo chão.
  5. Outra sugestão é separar uma gaveta ou uma caixa só para os materiais de arte: tinta, canetinha, lápis-de-cor, caderno de pintar, pincéis etc.
  6. Na hora de escolher as caixas organizadoras, vale optar pelas transparentes e de plástico. A criança consegue visualizar o que tem dentro de cada uma delas. Além disso, é possível lavá-las. Para facilitar ainda mais, é bom colocar uma etiqueta especificando os itens guardados.
  7. Os baús maiores ou cestos compridos são úteis para guardar bichos de pelúcia, bolas, espadas. Para as fantasias, vale inclusive investir numa arara pequena.

 

Leia também: Especial Dia das Crianças: São Paulo tem campanha para arrecadar brinquedos e livros

 

Leia também: 4 dicas para manter crianças seguras das armadilhas online

 

Fonte: Primeira Página

Redes Sociais